Resumo da semana – 22/05/16

“Coincidências não existem”

Hoje indo do Shopping Bourbon ao Sesc Pompeia, uma senhora bem conversadeira puxou assunto comigo e com o Eduardo. Ela atravessou a rua em direção ao supermercado e nós fomos ao restaurante do Sesc. Pegamos nossas comidinhas, sentamos e eu me levantei para pegar dois copos d’água, quando voltei, a senhorinha estava lá, no lugar vago em frente ao meu. Lá é sempre cheio, não sobram tantos lugares assim. Rimos da coincidência e ela ressaltou que “coincidências não existem”.

Estou lendo Cem Anos de Solidão, do Gabriel García Marquez. Achei que conseguiria terminá-lo essa semana, mas consegui avançar muito pouco. Não queria deixar o blog vazio de livros e, como as minhas análises prontas já estão separadas para quando eu ler Irmãos Karamazov (são mais de mil páginas, haja livros extras!), recorri à minha coleção para ver se encontrava algo mais rápido para esta segunda. Escolhi O Velho e o Mar, clássico de Ernest Hemingway que li há uns dois anos. Aí começam as coincidências (que não existem)…

Vi no Instagram a foto de uma edição igual à minha, o que já achei bem legal, afinal, não é o livro do momento. Mais tarde, comecei a reler a introdução, muito bem feita, que traz uma curiosidade: F. Scott Fitzgerald foi quem apresentou o primeiro livro de Hemingway a uma editora. Acabei de falar de Fitzgerald no blog e achei a ligação entre os dois surpreendente.

Além disso, também há uma passagem sobre um encontro, em Paris, entre o ídolo Hemingway e o fã Gabriel García Marquez, que, na época, trabalhava como jornalista e ficou atônito sem saber se pedia uma entrevista, se dizia que o admirava, tudo o que saiu foi: “Mestre!” Essa semana, falei no blog sobre quando encontrei o Mia Couto e não soube dizer nada, na próxima vez, já vou saber 😉

Mais tarde, estava dando uma passadinha por aqui e me chamou a atenção no blog da Gabrielli o título “Pequeno relato sobre como eu ainda acredito no amor”. Acabei indo parar no post dela sobre o filme “Meia-noite em Paris“. Reli-o agora e percebi que ela fala sobre alguns encontros no filme, mas não tinha notado isso na primeira leitura, apenas fiz um comentário que precisava vê-lo. À noite, o Eduardo aceitou minha sugestão e assistimos, finalmente. Se você ainda não sabe o que Hemingway, Fitzgerald e Meia-noite em Paris têm em comum, assista: é simples, despretensioso, doce, leve, engraçado, com uma ponta de sabedoria e reflexão. Entregue-se ao filme, as coisas não precisam fazer tanto sentido.

~ ~ ~

 

aniversário dois meses blog
Ontem, o blog fez dois meses. Eee!

 

Esta semana, fiz uma conta no Instagram para o blog. No começo, senti-me como uma pessoa mais velha que chama cd de fita ou aponta o mouse para o computador como se fosse controle remoto. Tentei encontrar algumas pessoas que vejo por aqui, mas se não te encontrei, siga-me: @livros_no_caminho! E já aprendi: SDV!

insta

~ ~ ~

Na segunda-feira, falei sobre como O Último Voo do Flamingo nos leva sem escalas a Moçambique. O Mia Couto usa a língua portuguesa de uma forma muito delicada para retratar o passado árido, o presente incerto e o futuro esperançoso de seu país. Na quarta, conversamos sobre cinco músicas com ar sessentinha para gostar do Mayer Hawthorne, que lançou cd novo em abril e, inclusive, já viciei em “Love like that” e “Get you back”.

Na quinta-feira, fiz um post bem “textão” sobre livros e leitura, que achei que ninguém ia ter paciência de ler, mas adorei a interação e os comentários, todos muito gentis e ainda me fizeram pensar bastante! Fiquei feliz por ter leitores tão generosos. Achei que já tinha falado demais e na sexta deixei três poeminhas pequenos para encararmos o mundo com um sorriso.

Não vá se perder por aí!

1. Amiguinho leitor, se você tem um blog aqui no wordpress, cuide bem do seu avatar. Sei que a maioria das pessoas que chegam ao meu espaço eu mesma fui buscar, mas às vezes alguém comenta algo e eu tento ver o blog da pessoa e ou o link está errado, ou indica endereço que não existe mais ou nem há link nenhum. Por isso, verifique e, qualquer dúvida, veja este post bem completo do blog Oxi, Maria! 

2. Se você quer encontrar blogs bons de ler e curte palavras a granel, vai gostar da “Central do Textão“!

Central do Textão

3. Há uns dois anos, li Água Viva, da Clarice Lispector. Amo a escrita dela, mas nunca poderia enxergar tantos aspectos nesse livro nem escrever algo tão bom quanto esta análise do blog Falando em literatura.

Água Viva Clarice Lispector

 

4. “Como a Literatura ajuda a entender a História?” Tzvetan Todorov responde, no Devir blog.

5. Lindo demais este post sobre o Museu do Teatro, em Viena. Dá vontade de vajar agorinha mesmo!

Museu do Teatro Viena

~ ~ ~

Tenha um domingo maravilhoso.

Boas leituras e até mais!

 

Anúncios

28 comentários sobre “Resumo da semana – 22/05/16

  1. Hoje mesmo, estava viajando pelos blog e num deles achei algo muito peculiar. Muitos blogueiras (os), como você, fazem um resumo da semana. A pessoa, de quem falo, fazia o resumo da semana, mas não da semana que se passou e, sim, da semana que se seguiria. Bom…. vale a dica. (podemos comer sempre a mesma coisa – mas quando a cor ou a ordem muda o sabor também pode mudar – sabores também são visuais). Adorei o post. Teve uma semana cheia. Desejo-te uma bela semana que se inicia. Abrs.

    Curtir

    1. Olá!
      Seu comentário havia ido para o spam, não sei por quê. Muito legal a sugestão, se você tiver o link do blog com o resumo da semana a vir, adoraria ver! Obrigada,

      Curtir

  2. Oi Val, muito fofo a forma como você relata a sua semana, a semana passada também adorei, principalmente as ilustrações. E obrigada pela referência ao meu post, é sempre bom dar uma revisitada no Gravatar nosso e dos outros pra conferir se está legal. Grande beijo! Claudia

    Curtido por 1 pessoa

    1. Obrigada, Cláudia! Tenho que confessar que ficava pensando se o seu nome era Maria ou outro.. rs 🙂 Achei super bom seu post, mto informativo 😀 Bjs e obrigada!!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Li suas postagens essa semana, pensei em comentar várias delas, mas aí o tempo foi passando e acabou que não deu – ainda pretendo incluir alguma naquele sobre leitura, porque é um assunto que muito me interessa. Sobre o Mia, também ficaria sem palavras se o visse por aí.
    Queria saber o que Hemingway disse/pensou ao ouvir um então desconhecido (?) García Marquez o chamar de mestre. Considerando o ego do homem… Mas Hemingway pode ter um ego gigante, ele fez por merecer.
    Essa foto da Realejo é em Santos? Nasci lá (hoje vivo em SC). Faz uns 6 anos que não visito a cidade. Mudou bastante a livraria, não? Não lembro de ser assim “no meu tempo”.
    Boa sorte com Karamazov. Também estou com uns calhamaços separados pra enfrentar ainda esse ano.
    Vou dar uma olhada na seleção de postagens mais tarde.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi! Comente, sim, quando der tempo, pode ser mal escrito, sem pé nem cabeça, tá valendo. Sobre o Hemingway, a introdução diz q ele acenou e foi embora. HAHA Essa parte é muito boa, eu devia ter falado, msm. A Realejo é em Santos, sim. Eu morei lá um tempo, acho que a conheci assim já. Boa sorte nas suas leituras e obrigada por acompanhar este espacinho, fico contente. Fique à vontade para comentar, discordar daquele post, se for necessário, td com jeitinho, né. Abraços!

      Curtir

  4. Adorei, Val!
    Toda vez que visito seu blog eu vejo o tanto de livro que ainda quero ler e tenho medo de não ter tantos anos de vida para dar conta de todos eles! rs.
    Engraçado… Veja vc que coincidência! Hoje mesmo eu estava remexendo textos antigos, de um outro blog que tive, e encontrei um cuja inspiração veio justamente do filme Meia Noite em Paris! Inclusive usei, à epoca, a imagem do pôster para ilustrar a postagem… Bacana!
    Bjos!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu tenho uma lista grandinha de livros também, e leio devagar… complica, né? Rs!! Vejo filmes devagar tb, esse é de 2010, deu tempo de você abrir e fechar o blog e eu ainda não tinha visto! Rs!! Bjos, Lia, adorei a visita e o comentário 😀

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s