1 – 7/365 motivos para amar livros!

Hello!

Estou viva e continuo amando meu blog. Só que essa semana só li umas coisas meio auto-ajuda e fiquei ouvindo Josh Groban. Estou sentimental. Interrompi as leituras mesmo e se fosse só o Josh Groban estava bom, mas para vocês terem uma ideia da melosidade da semana, Celine Dion também andou passando pela minha playlist.

Hoje estou aqui para postar o resumo do meu projeto do Instagram, “365 motivos para amar livros”! Estou postando esses “motivos” diariamente e comentando um pouco as frases. Você já me segue lá? 

Como falei no resumo da semana, as frases foram compiladas no livro “Por que amamos ler?”, de Brian Bristol. As três primeiras fotos são do site Free Images e as outras são minhas mesmo.

Obs. Toda vez que vejo o blog “O Miau do Leão“, acabo me referindo à autora como Miau, então saibam que foi a “Miau” que me falou que seria bom postar aqui também. 🙂

Follow me! -> http://instagram.com/1pedranocaminho

1.

motivos amar livros projeto instagram

Este é o primeiro, citado por C. S. Lewis.
Muitas vezes podemos nos sentir sozinhos no mundo, e um livro traz aquela uma frase que nos faz sentir acolhidos e parte da humanidade. Exemplos, frustrações iguais às nossas, ou simplesmente um refúgio. Isso tudo é o que um bom livro nos dá.
Já se sentiu assim? Eu, sim, este ano mesmo, ao ler “O Velho e o Mar”, senti o quanto daquele velho havia em mim, e o final do livro me tocou de um jeito muito especial para continuar.

2.

motivos amar livros projeto instagram

Amei esse provérbio.
Me lembrou o filme “O Jardim Secreto”. Jardins têm essa atmosfera de encantamento, beleza e também de diversidade. As mais diferentes formas, cores, complexidades… Tudo isso encontramos dentro de um livro, inclusive o que não sabíamos existir dentro de nós mesmos 🙂

3.

motivos amar livros projeto instagram

Um livro não traz apenas uma história que não tem nada a ver com nossa vida, mas sim milhares de vidas que se consubstanciam com a nossa. Histórias da História maior de que o mundo é feito. 🙂

4.

motivos amar livros projeto instagram

A frase de hoje é um clichê do bem… Rs
Pensei em um livro que me fez exercitar muito a mente e não foi difícil chegar ao Memorial do Convento, do José Saramago, um romance muito especial para mim, o meu mais querido, o trabalho de um gênio.
Esse livro não só “fortaleceu” minhas conexões neurais, como a frase implica, mas me fez enxergar melhor as pessoas e o mundo, ou pelo menos querer fazê-lo, o que já é uma influência maravilhosa.
Lê-lo exige doação e entrega, mas a recompensa é inigualável. Li poucos livros tão sensíveis e humanos quanto esse. Poucas vezes toquei tão de perto personagens que ficaram gravados em meu coração. Li-o duas vezes e gostaria ainda de relê-lo, quando estiver descrente das pessoas.
Na contracapa, há um resumo:


“Era uma vez um rei que fez promessa de levantar um Convento em Mafra.
.
Era uma vez a gente que construiu esse Convento.
.
Era uma vez um soldado maneta e uma mulher que tinha poderes.
.
Era uma vez um padre que queria voar e morreu doido.
.
Era uma vez”


Se você quer exercitar a mente e o coração, indico esse tesouro do nosso Nobel da língua portuguesa.

5.

motivos amar livros projeto instagram

Quando penso em um livro que me fez refletir sobre alguns pontos de forma diferente, lembro-me de “Revolução dos Bichos”, do George Orwell.
É uma leitura indispensável sobre relações de poder e a genuidade das intenções humanas (ou animais? Rs)

Uma leitura rápida que com certeza “ajuda a pensar”, mostrando lados diferentes de uma mesma história, enquanto revela algo sobre nós mesmos.

6.

motivos amar livros projeto instagram

Acredito muito na “releitura” e como cada momento da nossa vida faz com que determinada parte de um livro nos fale de maneira mais profunda. O livro que mais reli e ainda em diferentes fases, da infância até agora, com certeza foi O Pequeno Príncipe, que acho que sempre estará no meu top 10, pq a cada vez algo me emociona de maneira diferente.

7.

motivos amar livros projeto instagram

Dia 7!
Termino a semana com meu livro preferido da Literatura brasileira. Paulo Honório é um personagem tão profundo, que diz tantas coisas sobre a incapacidade humana de simplesmente ser e amar, muitas vezes. Ler Graciliano Ramos é saber como Dostoiévski seria se fosse brasileiro 🙂
A contracapa da minha edição mostra uma citação do autor que diz que trabalhar com as palavras deveria ser como lavar as roupas ao modo das lavadeiras, torcer, torcer, torcer e só quando a roupa estiver branquinha e sem que caia um pingo d’água, pode-se então pendurá- la no varal: “(…) Quem se mete a escrever devia fazer a mesma coisa. A palavra não foi feita para enfeitar, brilhar como ouro falso; a palavra foi feita para dizer”!
Lição do mestre 😉

~ ~ ~

E então, pessoal, gostaram? Alguma sugestão? Este post é a prova de que as aceito… rs
Beijinhos e muito obrigada pelas visitas, curtidas, comentários, sugestões e por acompanharem meus projetinhos. :*

Anúncios

11 comentários em “1 – 7/365 motivos para amar livros!

Adicione o seu

  1. Parabéns por mais este trabalho.
    Terminei de ler “o filho de mil homens”. Talvez faça um post, mas não como foi a grandeza dos seus dois posts sobre o livro.
    Se me permite, vou te indicar um livro da literatura portuguesa, Equador, Miguel Souza Tavares.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: