As maravilhosas cartas secretas e últimas mensagens recebidas, de Emily Trunko

Como já contei aqui no blog, comecei a dar aula de português no ensino fundamental e ensino médio este ano. Isso tudo é muito desafiador para mim, principalmente porque um dos meus maiores receios é ser responsável por estragos na formação dos alunos, eu não queria só jogar um monte de livros para os quais eles não estejam preparados ou com os quais eles não tenham a menor identificação. De certo modo, você tem que fazer isso porque existe um programa a seguir e eu também quero que eles se deem bem no vestibular e seria injusto eles não terem acesso ao que os outros têm em outras escolas.

Posto isso, o fato de a Companhia das Letras ter me enviado alguns livros bem este ano me ajudou muito a ter alguma conexão, ou a mostrar pelo menos algo muito legal a eles, algo que eu não teria visto sozinha, algo que tocou alguns deles, evidentemente, mesmo que não a todos. Essa conexão é difícil, e eu poderia ficar explicando trezentos milhões de motivos, mas o enfoque (nossa, olha eu com enfoque, que orgulho), era mostrar para vocês como esses livros são legais e não como é difícil dar aula de literatura rs.

Eu falei do Flicts, do Ziraldo, como uma sugestão de presente para crianças e na primeira vez que li esses dois livros organizados pela Emily Trunko só conseguia pensar em como seriam presentes maravilhosos para adolescentes ou jovens. Talvez você conheça alguém que queira ler algo, mas não sabe exatamente o quê. Ou você queira despertar essa subjetividade nela, isso de se colocar no lugar dos personagens, ou sentir a dor e a alegria de outros, por meio das palavras.

Esses dois livros são ótimos nesse sentido porque têm uma linguagem fácil, porém profunda, são uma leitura rápida, porque são mensagens curtas, mas que dizem muito. A cada pequeno parágrafo desses você se transporta para a vida daquelas pessoas. É impossível não pensar mil coisas. Eu aconselharia primeiro ler o “Cartas secretas”, mas o livro para CHORAAAR mesmo é o “Últimas mensagens eviadas”. O legal desse último é que as mensagens vêm com um pequeno contexto embaixo e saber das circunstâncias em que foram escritas muda totalmente o que você acabou de ler.

A literatura e a internet estão conectados de um modo especial. Booktubers, instagram de charges, tirinhas, poetas… Twitter e microcontos. O modo como a gente lê na tela está mudando o modo de ler tudo. A Emily Truko fez um tumblr, começou com escritos dela e depois foi compilando histórias que lhe enviavam, e continua a incentivar pessoas a mandar seus textos para ela.

Isso acaba sendo ainda mais legal, porque é um daqueles livros que inspiram você a querer escrever. Todo mundo tem algo secreto a não ser enviado… rs Ou algo a dizer que talvez seja definitivo. Outros livros muito complexos às vezes deixam a gente com a sensação que é preciso ser um gênio para escrever algo, mas esses mostram que para escrever, geralmente é necessário apenas derramar o que já efervesce lá dentro. Eu pedi para os alunos escreverem cartas e nem em todas as salas deu certo, mas se uma pessoinha única escreve algo e (voluntariamente, claro) lê para a sala, isso às vezes já é suficiente para mudar o nosso olhar para aquela pessoa.

A gente tem uma tendência a olhar para essas jovens pessoas de maneira muito depreciativa, talvez pelo estilo e acessórios que usem, as preferências musicais, o palavreado. Eu não queria ir só até aí. Eu não queria ser uma professora que vai ficar reclamando dos alunos para sempre (bom, só um pouco pode haha). De repente um aluno escreve algo para a namorada dele e pede para a pessoa do lado ler e você vê que há tanto sentimento ali, que aquela pessoa foi capaz de, ao jeito dela, escrever algo tão bonito, tão único.

Às vezes a gente tem o nosso gosto e quer empurrá-lo aos outros. Acontece comigo como professora e eu achei que fosse só eu mostrar como eu gosto e eles também gostariam, mas deu tudo errado… rs Talvez eu tenha arruinado José Saramago e Valter Hugo Mãe para os meus alunos do terceiro ano e isso me deixa aquele nó e um grande L na testa, mas pelo menos com os primeiros anos eu fiz algo certo que foram as nossas leituras desses livros da Emily.

Acontece muito com poesia também. Você acha que só porque você viu como aquilo é genial, eles também vão dizer “óooo”, e nada disso… rs Há alguns anos, quando eu comecei a me empolgar com Saramago eu dava “O Memorial do Convento” para todo mundo. Tenho certeza de que ninguém leu, deve estar na prateleira deles pegando pó. Leitura é algo do seu momento, da sua vontade, da sua predisposição, mas quem gosta de ler não consegue resistir a dar livros de presente para quem ama. Às vezes a gente só precisa da receita certa para aquele paladar, e eu acredito muito no potencial desses livros de cartas e mensagens de despertar emoções em qualquer tipo de pessoa e leitor. Se ele ou ela der uma pequena chance à primeira página certamente vai querer ler tudo.

Podem confiar que esses dois livros são um presente inesquecível. É proporcionar sensações, um encontro com os sentimentos. Sem contar que a edição deles é linda, muito especial. Não é gif animado de flor com brilhos, sabe? É um conceito visual com o qual os adolescentes e jovens se identificam e admiram também. A Emily Trunko devia ficar muito feliz com o que fizeram com a compilação dela, essa pessoa devia ser até coautora do livro!

Enfatizei adolescentes porque, pelo que vi, esses livros têm esse poder de tocá-los, o que nem sempre os maiores escritores conseguem, por várias barreiras que levam algum tempo para transpor, mas eu sou adulta há muitos anos e amei demais recebê-los e lê-los no ônibus, a caminho do trabalho, à noite, antes de dormir. Está aí outra utilidade. É legal ler aos poucos, porque cada partezinha já é uma história, você não precisa ficar se lembrando quem é quem, é um livro que pode nos acompanhar por bastante tempo e rende releituras.

Um pouquinho de cada um dos dois:

Cartas Secretas Jamais Enviadas:

cartas secretas emily trunko

IMG_20180722_120721031_HDR
Este livro é dividido em “destinatários”.

IMG_20180722_120603586

cartas secretas emily trunko

cartas secretas emily trunko

IMG_20180722_120711950

Últimas Mensagens Recebidas:

Meu preferido dos dois 😉

ultimas mensagens recebidasIMG_20180722_120812718IMG_20180722_120828896IMG_20180722_120837088_HDR

Anúncios

6 comentários em “As maravilhosas cartas secretas e últimas mensagens recebidas, de Emily Trunko

  1. Ahh que lindo! Já ouvi falar tão bem desses livros, e quando eu crescer quero ser uma professora assim como vc, que estimula a leitura na sala de aula, mesmo com erros e acertos e faz a diferença na vida dos alunos! Orgulho define! ❤

    Curtido por 2 pessoas

  2. Que lindo, Cá!! Isso tudo é bem mais desafiador do que eu pensava e por motivos que a gente só descobre na hora H! Rs Principalmente porque cada aluno é diferente, cada dia a gente tá meio diferente também, às vzs funciona uma hora e na outra necas. Rs Suas palavras foram muito doces, obrigada 🙂
    Sinto que você já é uma ótima professora. 😉

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s